• Receba informações e promoções de nosso site.


 

Notícias

Saúde

Animais precisam de cuidados especiais no réveillon

por Portal Exame
30/12/2013 às 12:44h
Federação para os Direitos dos Animais lançou guia com dicas para donos saberem como agir quando seus bichinhos se assustarem com os fogos de fim de ano

Roma - A Federação Italiana de Associações para os Direitos dos Animais lançou um guia com dicas para donos de animais saberem como agir quando seus bichinhos se assustarem com os fogos de fim de ano. De acordo com a Federação, nos últimos cinco anos as festas de Ano Novo causaram a morte de seis animais e 2311 ficaram feridos.

Muitos literalmente morreram de susto, já que seus ouvidos sensíveis não comportam bem os sons altos de fogos de artifício. Há muito casos de animais que morrem ou ficam feridos por stess, atropelamentos e acidentes.

Para garantir a segurança de seu animal, a Federação propõe que sejam seguidas algumas regras: não deixe seus amigos de quatro patas sozinhos; deixe sacadas fechadas; não deixe os gatos saírem; não leve seu cachorro para assistir a queima de fogos; se sair com o cachorro, não o deixe de forma alguma sem coleira.

Durante a queima de fogos, procure deixar seus animais trancados temporariamente em algum cômodo de sua casa. Deixe o volume da TV bem alto ou um rádio, para disfarçar um pouco o barulho. A Federação também recomenda que os animais estejam usando placas de identificação mesmo estando em casa, para o caso de uma fuga.

Se verificar algum comportamento estranho em seu animal após a queima, chame um veterinário. De acordo com a associação pela defesa dos animais Gaia Animali & Ambiente, o barulho dos fogos de artifício são tão altos para os cachorros que provocam dor.

 

Os gatos costumam fugir correndo e podem ser atropelados. Os pássaros perdem o senso de orientação e podem trombar contra árvores ou paus.